Sérgio Raimundo vai defender Isabel dos Santos


A filha do antigo Presidente da República, Isabel dos Santos, contratou a firma "Sérgio Raimundo e Associados”, o maior escritório de advocacia em Angola em número de advogados.

Segundo a DW, esta sociedade de advocacia tem como patrono o advogado Sérgio Raimundo, uma figura ligada à defesa dos processos mais mediáticos no país, como por exemplo, o caso que envolveu o patrão da Quantum Global, antiga gestora dos ativos do Fundo Soberano de Angola, o suíço-angolano Jean-Claude Bastos de Morais, o ex-governador do Banco Nacional de Angola, Walter Filipe, o ex-ministro dos Transportes, Augusto da Silva Tomás, e o antigo chefe do SISM, o Serviço de Inteligência e Segurança Militar, o general António José Maria.

Analistas ouvidos pela DW,  prevêem uma "batalha campal" com consequências para a imagem do país nos mercados financeiros. Sérgio Raimundo tomou contacto com o processo, segundo fonte judicial, nas últimas três semanas.

O causídico verificou a existência de alegados "documentos falsos”, como uma cópia de um passaporte atribuído a Isabel dos Santos, e que teriam sido a base de sustentação da acusação da Procuradoria-Geral da República de Angola (PGR) a solicitar "o arresto dos bens e contas bancárias” da empresária, junto da 1ª Secção da Sala do Cível e Administrativo do Tribunal Provincial de Luanda e, por extensão, no Tribunal da Relação de Lisboa, em Portugal.

O passaporte, segundo a defesa de Isabel dos Santos, tem a assinatura do mestre do kung-fu e ator de cinema já falecido Bruce Lee. O documento foi apresentado em tribunal pela PGR para demonstrar que "Isabel dos Santos pretendia ilegalmente exportar capitais para o Japão”, alegou a empresária.