Ministro da Justiça do Brasil pede demissão a Jair Bolsonaro


Ministro teria ameaçado demissão após Bolsonaro informá-lo que pretendia trocar o diretor da Polícia Federal, segundo O Globo e a Folha de S.Paulo.

Moro assumiu cargo com promessa de ser 'superministro' com autonomia total.

Um ano e três meses depois de assumir o Ministério da Justiça do governo de Jair Bolsonaro com alta popularidade e protagonismo nacional, o ministro Sergio Moro se torna mais um dos ministros com rumores de saída negados pelo governo. 

Na quinta-feira (23/04), jornais como o Globo e a Folha de S.Paulo informaram que o ministro teria ameaçado pedir demissão caso o presidente trocasse o diretor da Polícia Federal, Maurício Valeixo, nome de confiança escolhido por Moro. O Ministério da Justiça e Segurança Pública afirmou que "ministro não confirma o pedido de demissão", e deputados governistas como Carla Zambelli chamaram o caso de "falácia" da imprensa.