Kagame nomeia o filho primogénito para o governo


O Presidente do Ruanda, Paul Kagame, nomeou o seu filho primogénito, Ivan Kagame como Administrador do Conselho de Desenvolvimento do Ruanda (RDB).

A sua nomeação foi anunciada após uma reunião do gabinete presidencial, realizada na segunda-feira, 18 de maio. O Conselho de Administração inclui outros 8 membros.

Criado em 2008, o Conselho de Desenvolvimento do Ruanda (RDB) é um departamento do governo que integra todas as agências governamentais responsáveis pela atracão, retenção e facilitação de investimentos na economia daquele país da África Central.

Ivan Kagame, é descrito pela The Economist como um "Jovem empreendedor e inovador". Em 2016, postou na página na rede social Linkedin, um post em defesa da agenda de Desenvolvimento do Ruanda, dizendo que, assim como ele, jovens líderes empresariais africanos têm uma visão para impulsionar mudanças no continente “berço”.

“Sabemos que ser um modelo de sucesso é uma parte importante desse processo. Enquanto agora investidor privado, durante a minha formação académica e profissional em private equity e serviços financeiros, beneficiei imensamente da exposição a líderes de pensamento e mentores excepcionais ”, afirmou.

Ainda neste post, Ivan Kagame diz acreditar firmemente que qualquer pessoa com a vantagem de uma optima educação e orientação dedicada tem a responsabilidade de compartilhar conhecimento com os seus colegas. "Como diz o velho ditado, a quem muito é dado, muito é esperado", disse Ivan Kagame há quatro anos, quando o seu país preparava-se para sediar o Fórum Económico Mundial.


Presente nas Mídias Sociais, Ivan Kagame entrou no Twitter em 2010, mas esteve activo pela última vez em 2016. Com essa nova nomeação para o Conselho de Administração da RDB, pode haver um interesse renovado no uso do Twitter, onde conta com 39.200 seguidores. Com apenas 138 conexões no linkedin, apresenta-se como um investidor privado em private equity e possui um diploma de bacharel em economia, adquirido na Pace University e um MBA numa universidade na Califórnia, EUA.